Não damos o peixe…

Oct 10, 2010 by

E também não ensinamos ninguém a pescar. O papel do psicólogo não é dar receitas de vida, nem métodos de alcançar a felicidade. Somos o companheiro de pescaria, aquele que ajuda a puxar a rede no momento em que o pescador está pronto para pescar.

É mais comum que nossos clientes cheguem esperando que o terapeuta dê esse peixe, de preferência já preparado em um lindo prato. Aquele que entende que o caminho da felicidade não pode ser dado e se dispõe a mergulhar em suas próprias águas profundas será o verdadeiro beneficiado pelo processo analítico.

E o motivo de não existirem receitas é um só: somos únicos. E quanto mais tentamos entrar em uma forma do que “é ser feliz” mais longe ficamos de quem somos. E a felicidade só existe quando somos o que somos.

Posts relacionados

Tags

Compartilhe

Comentários

  1. Ana

    Difícil taefa a nossa!
    Principalmene na realidade atual,em que há TUDO pronto para se comprar, em prateleiras (reais ou virtais).
    Não temos algo a oferecer na prateleira, mas propomos que se possa olhar par o lugar vazio na prateleira…e fazer algo com isso.
    Não é para qualquer um.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *


*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title="" rel=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Receba as novidades do Terapia em dia por e-mail